10 dicas para evitar crises de rinite durante a faxina

5 mar, 2021

|

por: Família Respira

Ao limpar a casa, é muito difícil a rinite não se manifestar. Nesses momentos, a nossa respiração é uma das maiores prejudicadas. Mas calma. Existem algumas dicas que podem amenizar os efeitos do pó, do mofo e dos ácaros que adoram fazer a festa nos narizes e na garganta quando chega a hora da limpeza. Confira neste artigo 10 dicas para evitar crises de rinite durante a faxina.

1. Limpe os cantos e os móveis para evitar crises de rinite

Às vezes, deixamos passar a limpeza desses locais e a poeira acaba se acumulando. É preciso ter uma atenção especial a esses lugares, principalmente com o guarda-roupa, que deve ser limpo por dentro e por fora. Aproveite para colocar roupas guardadas há muito tempo para tomar sol.

2. Circulação do ar

É importante manter a casa sempre arejada, ventilada e bem iluminada. Isso evita a proliferação dos velhos inimigos da boa respiração: os fungos e os ácaros.

3. Tchau, vassouras! Tchau, espanadores!

Esses objetos tão comuns e usados diariamente podem até facilitar a limpeza, mas também ajudam a espalhar bastante a poeira. Você pode substituí-los pelo aspirador de pó com filtro especial ou filtro de água e panos umedecidos.

4. Quanto mais suave, melhor

Na hora de escolher produtos de limpeza, o cheiro muitas vezes é fator decisivo. Porém, odores mais fortes e marcantes não são bem aceitos pelas pessoas com rinite. O mais indicado é escolher as pastas e sabões em pó para limpeza e sempre evitar talcos, desodorantes e perfumes em spray. Outra ótima opção, é fazer uma solução com limão, vinagre, bicarbonato de sódio e água, pois esses produtos são aliados eficazes na limpeza e deixam ácaros e mofo bem longe.

5. Sono tranquilo

Para garantir uma noite bem dormida e sem crises alérgicas, trocar roupas de cama com frequência e colocar o colchão e os travesseiros no sol, para evitar que a umidade apareça. Escolha também travesseiros de espuma, fibra ou látex envoltos em capas de material plástico ou impermeáveis a ácaros. Quando possível, aspirar o colchão com um aspirador potente.

6. Bibelôs vilões

Enfeites, bichos de pelúcia, brinquedos expostos, entre outros objetos, são verdadeiros inimigos dos alérgicos. Como acumulam muita poeira e sujeira, o ideal é que sejam limpos pelo menos de 15 em 15 dias.

7. Tapetes e cortinas? É melhor não

Tapetes e cortinas de tecido às vezes acumulam tanto ácaro e poeira que nem o aspirador ajuda. O ideal é que não haja tapete na casa de uma pessoa alérgica. Mas caso exista, não esqueça: é fundamental higienizá-lo com frequência.

8. Luvas, fiéis companheiras

O uso de luvas e máscaras durante a faxina é sempre recomendado. Elas evitam que o alérgico aspire poeira e que as mãos fiquem sujas e acidentalmente cocem olhos e nariz, piorando ainda mais a situação.

9. Cantinho do pet

Pet e alergias são duas palavras quase que antagônicas, não é mesmo? Mas, se seu amiguinho faz parte da sua vida e você tem acompanhamento de um médico que te ajuda a lidar com as crises (e evitá-las), não esqueça que a higienização da casa com pet precisa ser ainda mais frequente. Nada de deixar pelos acumulando pela casa, combinado?

10. Lavagem nasal em dia ajuda a evitar crises de rinite!

Para fechar nossas dicas com chave de ouro, é importante lembrar: manter a rotina de lavagem nasal diária é fundamental para limpar a mucosa, eliminar agentes infecciosos e evitar crises de rinite. A Família respira possui uma linha de produtos ideais para isso: conheça clicando neste link.

 

Siga a página da Família Respira no Instagram para ter acesso a mais conteúdos sobre a saúde respiratória.