Maxidrate ®

Maxidrate® é um gel nasal que auxilia na prevenção e no tratamento do ressecamento da mucosa nasal, promovendo sua hidratação e consequente conforto respiratório na presença de várias situações como resfriados, alergias, condições climáticas, baixa umidade, poluição e exposição ao ar condicionado. Indicado para hidratar a mucosa nasal ressecada e irritada.2

A hidratação da mucosa nasal em forma de gel auxilia na prevenção de rinites e rinossinusites.3

A salina em gel atua na prevenção e no tratamento do sangramento nasal e da formação de crostas.4

Baixar Bula
Diferenciais
Único gel hidratante nasal do Brasil.
Desenvolvido para a hidratação nasal de crianças e adultos.
A hidratação da mucosa nasal em forma de gel auxilia na prevenção e no tratamento do ressecamento nasal.
Formulação exclusiva à base de ringer lactato, mais fisiológico que o soro fisiológico.
Possui etiqueta individualizada para identificação do paciente.

MAXIDRATE®(cloreto de sódio 6,0 mg/g)

Indicações: hidratação da mucosa nasal ressecada e irritada. Reg. MS 1.0033.0126. Reg. MS 1.0033.0126. Serviço de Atendimento Libbs: 0800-0135044.** **SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO. MAXIDRATE É UM MEDICAMENTO. SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE O MÉDICO E O FARMACÊUTICO. LEIA A BULA. ****

1.MIYAKE, M.A.M. Medicamentos intranasais: aspectos a considerar na prática clínica diária. RBM-ORL, v.2, n.3, p.92-99, 2007 2.SALSEP. São Paulo: Libbs Farmacêutica Ltda. Bula do medicamento. 3. MION, O.; MELLO JUNIOR, J.F. O uso das soluções salinas no nariz e seios paranasais. RBM-ORL, v.2, n.3, p.77-83, 2007 **4. **SLAPAK, I. et al. Efficacy of isotonic nasal wash (seawater) in the treatment and prevention of rhinitis in children. Arch. Otolaryngol. Head Neck Surg., v. 134, n. 1, p. 67-74, 2008. 5. KHIANEY, R.; OPPENHEIMER, J. Is nasal saline irrigation all it is cracked up to be? Ann. Allergy Asthma Immunol., v.109, n.1, p.20-8, 2012. 6. TANO, L.; TANO, K. A daily nasal spray with saline prevents symptoms of rhinitis. Acta Otolaryngol., v.124, n.9, p.1059-62, 2004. 7. MIYAKE, M.A.M. Medicamentos intranasais: aspectos a considerar na prática clínica diária. RBM-ORL, v.2, n.3, p.92-99, 2007.